Um Novo Conceito De Jornalismo Esportivo
100% Esporte! 100% focado no leitor! Sem propagandas! O melhor conteúdo do seu time do coração!
EXPERIMENTE POR ATÉ 10 DIAS GRÁTIS

Matar a Cobra e se Classificar

Matar a Cobra e se Classificar
Palmeiras quer usar boa fase da Libertadores da América no Paulistão, vencer o São Paulo e ajudar a eliminar o rival da competição estadual. A escalação do Alviverde para o “Choque-Rei” deste sábado continua indefinida. Felipão segue fechando os treinos para a imprensa, mas uma modificação é certa na equipe titular. Borja está de volta, pois Deyverson ainda tem uma partida de suspensão para cumprir devido à cusparada em Richard, do Corinthians. Foi justamente contra o rival do Morumbi que o colombiano ganhou notoriedade no futebol brasileiro, após brilhar contra o Tricolor, pelas semifinais da Libertadores, em 2016. (Borja comemora um dos seus gols contra o São Paulo – Foto Divulgação Atl. Nacional) À época, recém-contratado pelo Atlético Nacional-COL, por cerca de R$ 7 milhões do Cortuluá-COL, o centroavante marcou quatro gols em duas partidas contra o clube brasileiro e eliminou o São Paulo da competição. Na sequência, ainda marcou um gol na decisão contra o Independiente del Valle, do Equador, para dar o título continental ao clube colombiano. Borja jogador do Atl.Nacional comemora gol durante partida entre São Paulo x Atl. Nacional válido pela primeira partida da semifinal da Copa Libertadores estádio Cicero Pompeu de Toledo (Morumbi).(Foto:Ale Vianna/Eleven). Com o título de “Rei da América” de 2016, prêmio dado pelo jornal “El País” ao melhor jogador do continente, Borja – supervalorizado – foi contratado pelo Palmeiras por R$ 34 milhões. Em sua terceira temporada pelo clube, o colombiano está a três partidas de completar cem jogos com a camisa do Verdão. O jogador Borja, da SE Palmeiras, comemora seu gol contra na Arena Allianz Parque. Foto Cesar Greco AG Palmeiras Na primeira temporada, poucos gols e muita vontade. Porém, em 2018, Borja foi fundamental para a equipe ao marcar 20 gols em 44 partidas, além de conquistar os prêmios […]
MATÉRIA EXCLUSIVA PARA ASSINANTES OU CADASTRADOS
Tenha acesso a esta matéria e a todo o conteúdo do site por até 10 dias grátis. Aqui você encontrará todos os dias, histórias e análises exclusivas do seu time de coração.
Marcio Papi

Marcio Papi

Marcio Papi Martinez é formado em jornalismo pela FIAM e tem passagens na TV Bandeirantes, BandSports e pela ESPN Brasil e Internacional. Na Band, foi estagiário internacional, editor de texto do Jornal da Band, produtor e coordenador da Fórmula Indy, editor de texto do Jogo Aberto e Coordenador do Esporte na Band Rio - onde era responsável pelas transmissões de eventos e coordenador de transmissões esportivas. No Bandsports, foi editor-chefe do Bandsports Football, programa sobre a NFL, editor-chefe do SuperMotor, programa de esportes a motor e coordenador de transmissões. Na ESPN, foi Editor-chefe do Sportscenter notícias, do The Book is on The Table (programa de esportes americanos), editor de texto de esportes olímpicos, além de se tornar Gerente de Produto da NBA e de Futebol Internacional. Experiência em coberturas "in Loco" de Finais da NBA, dois Super Bowls, e partidas da Champions League, com uma final no currículo, em Berlim.

error: © O Esportista 2018. Todos os direitos reservados, OK!?