Um Novo Conceito De Jornalismo Esportivo
100% Esporte! 100% focado no leitor! Sem propagandas! O melhor conteúdo do seu time do coração!
EXPERIMENTE POR ATÉ 10 DIAS GRÁTIS

No Sufoco, mas classificado!

No Sufoco, mas classificado!
No Santos de Sampaoli não há (pelo menos não deveria haver) espaço para brincadeiras. O Santos Futebol Clube comandado por Jorge Sampaoli é o famoso time “oito ou oitenta”: Em uma noite encanta comentaristas e torcedores; mas, na outra, é alvo de críticas por uma atuação abaixo da crítica. Foi exatamente isso o que aconteceu na noite de quarta-feira, em São Januário, diante do Vasco da Gama, em jogo válido pela volta da quarta fase da Copa do Brasil – a última antes da entrada dos times brasileiros que estão na disputa da Libertadores da América. Em uma noite digna de Os Trapalhões (para quem não conhece, trata-se do mais famoso quarteto de humoristas da TV brasileira, que fez sucesso entre as crianças nas décadas de 70 e 80), Felipe Aguilar, Gustavo Henrique, Victor Ferraz e o goleiro Éverson quase complicaram a vida do Alvinegro Praiano na Copa do Brasil. (Victor Ferraz – Foto Flickr oficial do Santos FC) Os quatro abusaram das jogadas arriscadas, às vezes irresponsáveis, das faltas desnecessárias, e permitiram ao Vasco da Gama zerar a desvantagem que levaram da Vila Belmiro antes mesmo da descida para o intervalo – o primeiro gol em falha bizarra de Felipe Aguilar e o segundo em vacilo de Everson. Para sorte do torcedor santista – e da zaga atrapalhada – o lateral-esquerdo Jorge, surpresa de Sampaoli para o jogo de São Januário (escalou o lateral no lugar do venezuelano Yeferson Soteldo), acertou um balaço no início do segundo tempo, após passe do próprio Soteldo, que acabara de entrar, e marcou o gol da classificação. (Jorge – Foto Flickr oficial do Santos FC) Apesar do golaço que garantiu a passagem para a fase oitavas de final do torneio nacional, o ex-lateral do Flamengo, emprestado ao Santos pelo Monaco, da França, até […]
MATÉRIA EXCLUSIVA PARA ASSINANTES OU CADASTRADOS
Tenha acesso a esta matéria e a todo o conteúdo do site por até 10 dias grátis. Aqui você encontrará todos os dias, histórias e análises exclusivas do seu time de coração.
Paulo Amaral

Paulo Amaral

Paulo Amaral é jornalista formado pela FIAM, em 1995, e tem no currículo passagens pela Revista do Santos, da Editora Escala, pelos jornais Gazeta Esportiva e Agora São Paulo, pela PSN.com, pelo site Gazeta Esportiva.Net, pelo portal R7.com e pelo HuffPost Brasil. Sua grande parcela para fazer essa supermáquina funcionar todos os dias para vocês, internautas, será escrever sobre uma grande paixão: O Santos Futebol Clube, tricampeão da América e bicampeão mundial.

error: © O Esportista 2018. Todos os direitos reservados, OK!?