Um Novo Conceito De Jornalismo Esportivo
100% Esporte! 100% focado no leitor! Sem propagandas! O melhor conteúdo do seu time do coração!
EXPERIMENTE POR ATÉ 10 DIAS GRÁTIS

Obrigado, Mestre Coutinho!

Obrigado, Mestre Coutinho!
Desesperado à procura de um centroavante, Santos chora perda do melhor 9 de todos os tempos. O Santos Futebol Clube está de luto. Antônio Wilson Vieira Honório, ou simplesmente Coutinho, maior e melhor atacante que já vestiu a camisa 9 do Alvinegro Praiano, morreu na noite de segunda-feira aos 75 anos de idade. O piracicabano nascido em 11 de junho de 1943 é considerado pelo próprio Rei Pelé como o maior parceiro da gloriosa trajetória profissional do Atleta do Século. E detém, até hoje, o título de terceiro maior artilheiro da História do Santos, atrás apenas do próprio Pelé e de Pepe. (Pelé e Coutinho – Foto Flickr oficial do Santos FC) Coutinho foi ainda o jogador mais jovem a vestir a camisa profissional do Santos. Estreou no Alvinegro Praiano com apenas 14 anos e, com ela, disputou 457 jogos, marcando 368 gols. A morte de Coutinho deixou a Vila Belmiro de luto. Pepe foi um dos muitos ex-atletas a prestar homenagem ao antigo parceiro, com o qual conquistou dois títulos de Libertadores da América e dois Mundiais de Clubes. “As tabelinhas com Pelé ficaram marcadas para sempre. Nasceram ali as tabelas no futebol. Santos teve outros grandes centroavantes como Pagão e Toninho Guerreiro, mas Coutinho foi o maior de todos. Não havia tempo ruim. Uma lacuna difícil de ser preenchida e nosso coração está de luto, o Santos também. Nosso amigo de sempre merece descansar em paz. Estamos muito tristes, fez parte do nosso grande ataque, que me orgulho e eu era o único cara pálida de uma crioulada fantástica”Pepe, ídolo do Santos (Pepe e Coutinho – Foto Flickr oficial do Santos FC) O Rei do Futebol também lamentou a morte de Coutinho, mas, ao contrário dos ex-companheiros, que compareceram ao velório no Salão de Mármore da Vila, Pelé mandou […]
MATÉRIA EXCLUSIVA PARA ASSINANTES OU CADASTRADOS
Tenha acesso a esta matéria e a todo o conteúdo do site por até 10 dias grátis. Aqui você encontrará todos os dias, histórias e análises exclusivas do seu time de coração.
Paulo Amaral

Paulo Amaral

Paulo Amaral é jornalista formado pela FIAM, em 1995, e tem no currículo passagens pela Revista do Santos, da Editora Escala, pelos jornais Gazeta Esportiva e Agora São Paulo, pela PSN.com, pelo site Gazeta Esportiva.Net, pelo portal R7.com e pelo HuffPost Brasil. Sua grande parcela para fazer essa supermáquina funcionar todos os dias para vocês, internautas, será escrever sobre uma grande paixão: O Santos Futebol Clube, tricampeão da América e bicampeão mundial.

error: © O Esportista 2018. Todos os direitos reservados, OK!?